'Viradão' da vacina atinge cinco grupos e quer aplicar 7 mil doses contra Covid em 24h

DOURADOS NEWS


O 'viradão' da vacina anunciado pela prefeitura de Dourados começa às 8h deste sábado (18/9) e segue até as 7h de amanhã (19) no drive-thru do Pavilhão de Eventos Dom Teodardo Leitz. A expectativa é de que mais de 7 mil pessoas sejam imunizadas durante esse período no município. 

Serão cinco grupos com possibilidade de receber os imunizantes. 

 
Veja abaixo quais são:

D1 para adolescentes - Poderão tomar a Dose 1 adolescentes de 12 a 17 anos acompanhados dos pais, responsáveis ou tutor com comprovação. É obrigatória a apresentação de documento com foto do menor de idade, CPF e comprovante de residência. 

Apesar da publicação de nota informativa do Ministério da Saúde na qual passa a não recomendar a vacinação dos menores sem comorbidades, o Governo do Estado decidiu manter a aplicação. 

Dose 2 Pfizer - Poderão tomar a Dose 2 pessoas que tomaram a Dose 1 da vacina Pfizer até o dia 18 de agosto de 2021. É obrigatória apresentação do comprovante de vacinação com a Dose 1, documento com foto e CPF.


Dose 2 AstraZeneca - Poderão tomar a Dose 2 pessoas que tomaram a Dose 1 da vacina AstraZeneca até o dia 15 de julho de 2021. Na virada da vacina, haverá o intercâmbio do imunizante com a aplicação da Dose 2 de Pfizer neste público específico. É obrigatória apresentação do comprovante de vacinação com a Dose 1, documento com foto e CPF.

Dose 3 Idosos

Poderão tomar a Dose 3 da vacina idosos de 60 anos ou mais que tomaram a Dose 2 até o dia 1º de maio 2021, independente do laboratório.

A mesma situação acontece para portadores de comorbidades imunológica que tenha recebido a D2 até 10 de agosto. 

Nesse caso, poderão vacinar as pessoas com alto grau de imunossupressão (Imunodeficiência primária grave, quimioterapia para câncer, transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas em uso de drogas imunossupressoras e pessoas vivendo com HIV/Aids, uso de corticóides em doses iguais ou maiores que 20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por mais de 14 dias, uso de drogas modificadoras da resposta imune, pacientes em hemodiálise, pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias).

Para a terceira dose, é necessário comprovação de vacinação da D2, documento com foto e CPF. No caso daqueles com comorbidades é preciso ainda a prescrição médica.