Padrão de chuva deve mudar na segunda quinzena de março

Segundo a previsão do tempo, a frente fria pode alcançar áreas do Sudeste, no entanto, os maiores acumulados ainda são esperados no Norte 

CANAL RURAL


O céu segue carregado nas áreas mais ao Norte do país. Além disso, a chuva atrapalha a colheita em áreas do Mato Grosso e também no Matopiba, especialmente no Maranhão e Piauí.

No Sul, a previsão do tempo ainda destaca a presença da frente fria, provocando um volume de chuva que pode chegar a 100 mm no leste de Santa Catarina e sudeste do Paraná.

Por outro lado, no noroeste do Paraná e Mato Grosso do Sul, áreas importantes do milho safrinha, a precipitação segue irregular. Em uma faixa que se estende do Mato Grosso do Sul até a Bahia, a chance para chuva é muito pequena nos próximos dias.

A partir da segunda quinzena de março, o padrão de chuva muda, e a frente fria vai alcançar o Sudeste. Ainda assim, os maiores índices serão observados em uma faixa que vai do Rio Grande do Norte até o Amazonas, com volumes que podem chegar aos 200 mm.