Homem tenta entregar carro oficial furtado na fronteira, mas é preso na MS-164

DOURADOSNEWS / DA REDAçãO


A ocorrência do DOF foi registrada e entregue na Delegacia da Polícia Civil em Ponta Porã - Crédito: Divulgação- DOF

Um veículo oficial furtado em Campo Grande foi recuperado pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteira), na zona rural de  Ponta Porã, na noite deste sábado (11). O condutor do carro, de 28 anos, foi preso. 

Os policiais militares do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) militares realizavam um bloqueio policial para fiscalização na rodovia MS-164, área rural do município de Ponta Porã, quando deram a ordem de parada ao condutor de um veículo, Fiat Argo, de cor branca ,que desobedeceu e tentou fugir, sendo alcançado e abordado. O homem, de 28 anos de idade, seguia para Ponta Porã com uma passageira. Questionado sobre a procedência do veículo, inicialmente respondeu que seria de seu patrão e que foi incumbido de entregá-lo em Ponta Porã.

O DOF constatou que o carro havia sido furtado na Capital. O veículo pertence à frota da Secretaria de Assistência Social da Prefeitura Municipal de Campo Grande. Por estarem visivelmente agitados e com informações desconexas, os policiais procederam com uma vistoria no Argo, onde encontraram um documento e um cartão de abastecimento em nome da Prefeitura Municipal de Campo Grande (MS). Com as informações repassadas pelo condutor do veículo constatou-se que o contratante é, na verdade, funcionário da referida secretaria.

Questionado novamente sobre o veículo, o homem mudou a versão e disse que se encontra com dificuldades financeiras e que receberia dinheiro para levar o Fiat Argo até Ponta Porã. A informação foi confirmada por um responsável pela frota da Prefeitura, que compareceu na Delegacia da Polícia Civil em Campo Grande e registrou um Boletim de Ocorrência.

A ocorrência do DOF foi registrada e entregue na Delegacia da Polícia Civil em Ponta Porã, juntamente com o casal e o veículo oficial recuperado. O prejuízo estimado ao crime foi de R$ 68 mil.

A ação envolvendo os policiais do DOF aconteceu dentro do Programa Protetor das Fronteiras e Divisas, parceria da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) com o MJ (Ministério da Justiça e Segurança Pública), da Operação Ágata Fronteira Oeste II, em parceria com o Exército Brasileiro e da Operação COSUD (Consórcio de Integração Sul e Sudeste) deflagrada na manhã desta quarta-feira (8) no Mato Grosso do Sul com a integração de sete Estados brasileiros.